Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Mais de 20 mil pessoas participaram do 22º Encontro Nacional de Motociclistas, realizado em Artur Nogueira, no interior paulista. Com cerca de 200 motoclubes, o evento atraiu curiosos e apaixonados pelo tema entre os dias 20 e 22 de abril. Diante disso, motociclistas adventistas e outros membros da Igreja organizaram uma feira de saúde para atender quem passou pela cidade.

Atualmente, existem motoclubes organizados por adventistas em 22 Estados brasileiros, somando quase 900 motociclistas. Eles fazem parte do Ministério dos Motociclistas Adventistas. Além da realizar feiras de saúde, eles desenvolvem outros projetos que incentivam a qualidade de vida, bem-estar, lazer e ações solidárias.

Iniciativa do bem

Esta é a terceira feira de saúde que o Moto Clube Adventista promove. O grupo existe há 13 anos e reúne motociclistas de Arapiraca, Recife, Manaus, Caxias do Sul, São Paulo, Artur Nogueira, Jundiaí, entre outras cidades. Na oportunidade, os voluntários ofereceram testes de glicemia, aferiram pressão arterial, ofereceram massagens relaxantes e deram dicas de como cuidar melhor da saúde através da alimentação e da prática de exercícios físicos.

Além disso, quem passou pela feira ganhou um exemplar do livro O Poder da Esperança, que fala sobre a importância de cuidar e manter a saúde emocional. O policial e participante do evento, Marcelo Calderani, diz que achou a iniciativa muito boa. “É muito importante pessoas que gostam de moto se cuidar porque, justamente nesse lugar, você encontra muitas bebidas e coisas que não agradam a saúde”, complementa .

O organizador do evento, motociclista e morador do município, José do Carmo Rissi, mais conhecido como Zé Creme, conta que a feira é uma prática inovadora e muito positiva para os participantes. “Fez a diferença para nós, pois tivemos um caso de uma motociclista que foi atendida numa situação de emergência pelos voluntários”, explica. Rissi reforça que pretende aderir à feira de saúde nos próximos encontros.

Relevância

O Moto Clube Adventista é dirigido no território nacional pelo médico e motociclista Décio Gomes. Para ele, o mais importante é o relacionamento que o grupo tem com os demais colegas de hobbie. “Este é um espaço muito importante para nós. O que fazemos aqui é uma ação voltada à missão urbana”, explica.

Como Gomes, o coordenador regional de Artur Nogueira, Adriano Marquetto, também acredita que o espaço é uma oportunidade para expressar uma mensagem de esperança e de qualidade de vida aos milhares de motociclistas. “Sobretudo, este é um trabalho feito em conjunto com outros motoclubes do Estado de São Paulo. São muitos motociclistas adventistas envolvidos nesta missão por todos os lugares”, declara.

Assista ao vídeo a seguir:


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •