Metrópoles | O ronco pode se tornar um incômodo capaz de separar um casal. Em alguns casos, pelo jeito, pode levar à morte. Uma americana, de 47 anos, é suspeita de ter atirado no namorado porque ele ronca muito alto. Lorie Morin foi presa sob acusações de tentativa de homicídio e agressão física.

O homem, identificado como Brett Allgood, precisou ser levado ao hospital de avião na última quarta-feira (13/3), na cidade de Cocoa, Flórida. Investigações preliminares apontavam que o tiro havia sido acidental. Porém, após conversarem com a vítima, os policiais determinaram que a situação chegou a esse nível por conta do ronco, afirma o Daily Mail.

Allgood foi encontrado na cama, ao lado de uma poça de sangue, após ser atingido na axila. “Ele ouviu um estrondo alto e acordou com uma dor lancinante vindo de sua axila direita”, afirma a acusação. A versão da mulher, que segue presa e sem direito à fiança, é que a arma disparou acidentalmente quando ela tentava levantar uma caixa grande.