Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Pode parecer surreal que o ato de entregar um livro a um estranho transforme completamente a vida dessa pessoa desconhecida. Mesmo assim, milhões de adventistas na América do Sul vão às ruas para distribuir livros sobre esperança. E em novembro de 2017, Danieli Molinett,  com o grupo de jovens de sua igreja, foi a um centro público de atividades físicas muito movimentado em Pato Branco, interior do Paraná, para realizar uma distribuição em massa.

Esses livros missionários fazem parte de um projeto de evangelismo da Igreja Adventista na América do Sul. Lançados com temas diferentes a cada ano, são distribuídos em uma grande ação chamada Impacto Esperança, que ocorre geralmente no mês de maio. “Nós tínhamos vários livros guardados de edições anteriores, então decidimos distribuí-los nessa ação com os jovens”, conta Molinett. Ela lembra que distribuiu livros para muitas pessoas, por isso não conseguiu parar para conversar com todos que encontrou.

Alguns meses depois, foi surpreendida por um rosto familiar ao fim de um culto de sábado. Era Ilda Preslak, uma mulher que estava fazendo caminhada no dia e local onde os livros foram distribuídos. “Ela perguntou se éramos nós o grupo que tinha feito a entrega dos livros. Eu disse que sim e, ao conversarmos, descobrimos que ela estava estudando a Bíblia!”, relembra.

Preslak foi criada como evangélica, mas após 46 anos de dúvidas e incertezas quanto aos ensinamentos que lhe foram passados, decidiu não mais frequentar sua igreja. Ela chegou a buscar outras denominações antes de tomar essa decisão, mas não encontrou respostas para suas dúvidas. “Eu decidi ficar em casa mesmo, pois as coisas que eu ouvia lá não faziam sentido pra mim”, lembra.

No dia da ação dos jovens, ela conta que estava fazendo atividade física, mas vinha enfrentando uma angústia há muito tempo. “Eu fiquei sem frequentar nenhuma igreja por uns 10 anos e quanto mais o tempo passava, mais eu sentia um vazio. E naquele dia, quando eu vi uma jovem bonita me estendendo um livro sobre esperança, decidi que ia ler, mas antes decidi dar para minha filha, que leu, pesquisou sobre a Igreja Adventista e me devolveu o livro dizendo que era um material da igreja verdadeira”, conta.

O livro que Preslak recebeu foi lançado em 2015, intitulado Esperança Viva, escrito por Ivan Saraiva, orador dos programas A Voz da Profecia e Está Escrito, da Rede Novo Tempo. A obra aborda doutrinas bíblicas consideradas pela sociedade, de maneira geral, como controvertidas. São abordagens a respeito da guarda do sábado, estado dos mortos, teologia da prosperidade, uso de línguas estranhas em cultos religiosos, entre outras temáticas. Assuntos que vieram de encontro com as necessidades espirituais de Preslak. “Eu li e fiquei chocada por um tempo. Porque a verdade é libertadora, mas também é muito forte. Então, após processar todas essas informações, eu fui até a Igreja Adventista”, diz.

Ela estudou a Bíblia com membros da denominação e em abril deste ano foi batizada. “Eu sinto uma alegria tão grande desde que me tornei adventista que às vezes preciso me conter. Desde que comecei a guardar o sábado, parece que estou em um pedacinho do céu na Terra. Passei por um período muito nebuloso, sem encontrar respostas, mas hoje eu tenho paz, alegria e, principalmente, esperança”, comemora.Enviar arquivos

“Essa é a loucura da pregação. Pessoas que através de um sermão param de beber e não agridem mais a família, pessoas que mudam a alimentação. A mesma coisa com um livro, que tem uma enorme capacidade de promover mudanças profundas”, afirma Ivan Saraiva, autor da obra. Ele menciona a história do apóstolo Paulo, que tentou, por diversos meios, alcançar pessoas, “então é isso que a igreja faz. Fazemos DVDs, revistas, livros, temos uma gravadora, uma empresa de alimentos, hospitais, escolas e diversos outros meios para alcançar pessoas”. E o Impacto Esperança é um desses meios.

Neste ano, o livro missionário aborda a esperança para pessoas que enfrentam transtornos emocionais tão recorrentes, como depressão e ansiedade. Neste Impacto Esperança, que ocorre no dia 26 de maio, 2,5 milhões de adventistas sairão às ruas de oito países para entregar o livro O Poder da Esperança. Inclusive Danieli, Ilda e Ivan Saraiva.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •