Nos pênaltis, Caapiranga conquista o título inédito de campeão da Copa dos Rios de futebol sub-19 - Fato Amazônico




Nos pênaltis, Caapiranga conquista o título inédito de campeão da Copa dos Rios de futebol sub-19

Nos pênaltis, Caapiranga venceu a equipe de Manacapuru (6 a 5) e conquistou o título inédito de campeão da Copa dos Rios de Futebol sub-19. A final, que contou com a participação de pelo menos mil torcedores, aconteceu na noite de ontem (11), no estádio Ismael Benigno, a Colina, Zona Oeste de Manaus. Além do troféu, a equipe vencedora levou para casa um cheque de R$ 8 mil. Em terceiro lugar, o time de São Sebastião do Uatumã recebeu R$ 2 mil e o segundo colocado, R$ 4 mil.

A decisão contou com a presença da secretária de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), Janaina Chagas, que representou o Governo do Amazonas, e também do presidente da Federação Amazonense de Futebol (FAF), Dissica Valério Tomaz.

O jogo

Com um primeiro tempo muito equilibrado e com poucas oportunidades, os times seguraram o 0 a 0 até o final. Na segunda etapa, a disputa ficou mais acirrada e aos 16 minutos, o time de Manacapuru teve a sua melhor chance com o atacante Francisco Henrique, camisa 9, com um forte chute da grande área, que foi espalmado pelo goleiro de Caapiranga para fora.

Aos 25 do segundo tempo, o time de Caapiranga mostrou que não estava para brincadeira e numa jogada pela lateral direita, Adaias driblou dois e tocou para Caroço, que bateu um forte chute por cima do travessão.

Aos 31 minutos, Caapiranga abriu o placar da partida.  Com um chute pela direta e um furo do goleiro de Manacapuru , Roberto, número 11, marcou o primeiro gol. O tento animou a torcida, que com muitos gritos de guerra passou a incentivar mais o grupo.

E quando parecia que o confronto estava decidido, Manacapuru, já nos acréscimos, empatou com um gol de Thiago, que levou a decisão para os pênaltis.

Na disputa dos pênaltis, o erro de Filipe da Silva do time de Manacapuru , na segunda cobrança, foi crucial para que a equipe de Caapiranga, que converteu todos os pênaltis, conquistasse o inédito título de campeão da Copa dos Rios sub-19.

Autor do gol de Caapiranga no tempo normal, Roberto, afirmou, que apesar de alguns problemas, a equipe sempre acreditou que seria campeã. “Foi uma emoção muito grande fazer parte desse time. A nossa equipe teve muitas dificuldades, mas graças a Deus chegamos à final e fomos campeões. Treinamos bastante cobranças de pênaltis e estávamos confiantes que íamos levar este título”, disse.

Incentivo

Ex-jogadora de futebol, a secretária Janaina Chagas, que entregou a premiação aos vencedores, falou sobre a importância de incentivar o esporte no interior do Estado.

“É importante a gente conseguir identificar e trabalhar esses talentos jovens, para quem sabe termos atletas nossos em grandes times e transformar as equipes do Amazonas em grandes também. É uma felicidade estar aqui enquanto secretária, em nome do governador Amazonino Mendes, presenciar essa final, essa animação e vibração de todos que estão aqui na Colina. Espero presenciar isso mais vezes”, afirmou a titular da Sejel.