Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), por meio da Polícia Civil, Polícia Militar e Secretaria Executivo Adjunta de Operações (Seaop), deflagrou, ontem (25/04), a Operação Banzeiro em Urucurituba (a 218 quilômetros de Manaus), cumprindo mandados de prisão, busca e apreensão desde as primeiras horas da manhã na cidade. Cinco pessoas foram presas e outras três indiciadas por tráfico e associação ao tráfico de drogas em Manaus e Urucurituba.

A ação começou, em Manaus, com a prisão do detento do regime semiaberto Marco Antônio Auzier, 29, vulgo “Caveirinha”, considerado um dos líderes do tráfico em Urucurituba. Ele foi capturado por policiais da Seaop no bairro Gilberto Mestrinho, Zona Leste da capital, com uma pistola, munições e 50 gramas de maconha.

Em Urucurituba, os policiais prenderam em flagrante Zaquel Marques Pereira, 33, Elimilton da Silva Cascais, 20, e Douglas da Silva Batista, 33. Um mandado de prisão contra Francimilton Gama Maciel, 36, por tráfico e associação ao tráfico foi cumprido. Alessandra Silva Cascais, 27, Fabíola da Silva Cascais, 29, e Mário Santos Melo de Queiroz foram indiciados por tráfico e associação ao tráfico e vão responder em liberdade.

Associação ao tráfico – Segundo o delegado Mateus Moreira, diretor de Departamento de Polícia Civil do Interior, mensagens encontradas no celular de “Caveirinha” levaram a detenção do guarda municipal Mário Santos de Queiroz. Nas mensagens, ele estava informando sobre a realização da operação policial na cidade. Ele foi indiciado por associação ao tráfico e violação de sigilo profissional.

“O resultado principal é o combate ao tráfico de drogas, como também a prisão do maior traficante de Urucurituba, que é o Caveirinha. Desarticulamos pelo menos 15 locais de tráfico de drogas na cidade, o que vai se refletir na segurança pública uma vez que a maioria das ocorrências está ligada ao tráfico”, disse o delegado Mário Melo, titular do 41° DIP de Urucurituba.

Os policiais apreenderam três simulacros de armas caseiras, 20 trouxinhas de Oxi e maconha e oito celulares durante as ações na zona urbana e nas comunidades ribeirinhas da cidade. Cerca de 40 policiais civis e militares participaram da operação. Policiais civis de Manaus, Silves, Itapiranga, Rio Preto da Eva e Itacoatiara também foram incorporados.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •