Oreni Braga é eleita presidente do Fórum Nacional de Secretários Estaduais e Dirigentes de Turismo - Fato Amazônico

Oreni Braga é eleita presidente do Fórum Nacional de Secretários Estaduais e Dirigentes de Turismo

A presidente da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), Oreni Braga, foi eleita na manhã desta quarta-feira por unânimidade, em Brasília, como a nova presidente do Fórum Nacional de Secretários Estaduais e Dirigentes de Turismo (Fornatur). A eleição ocorreu durante a 74ª Reunião Ordinária do Fórum.

O nome da titular do Órgão de Turismo do Amazonas ganhou força nos últimos anos devido ao trabalho que ela vem conseguindo realizar no Estado, que hoje está entre os dez principais destinos turísticos do Brasil, segundo o Ministério do Turismo.

Atuante no Fornatur desde 2004, Oreni conseguiu viabilizar algumas propostas, entre elas a de espaços gratuitos para as Secretarias de Turismo nos aeroportos. “Se hoje temos um Centro de Atendimento ao Turista dentro do aeroporto é porque vislumbramos isso naquela época”, informou a presidente da Amazonastur.

Oreni Braga afirma que chegou o momento de resgatar o peso e a importância do Fornatur perante a sociedade, principalmente neste momento, às vésperas da Copa do Mundo FIFA 2014™. “O maior legado desse evento ficará para o turismo. E fortalecer as instituições, o trade e todos os atores do setor só deixará o mercado mais organizado e preparado para receber os milhões de turistas que vão visitar o Brasil antes, durante e depois da Copa”.

Além de buscar esse resgate, a presidente da Amazonastur diz que é preciso implementar no Fórum Nacional de Secretários Estaduais e Dirigentes de Turismo um modelo mais dinâmico na gestão da entidade. “Creio que é preciso também resgatar o dinamismo e o papel do Fórum quanto associação que tenha um lugar de destaque no cenário nacional de modo a sermos um braço do turismo brasileiro neste processo de valorização do setor”, completa.

Investimentos

Entre os últimos investimentos que a presidente da Amazonastur conseguiu trazer para o Estado destaca-se o voo da TAP, que ligará, três vezes por semana, Lisboa à Manaus. Este trabalho junto à empresa aérea portuguesa durou dez anos.

Com seis anos de luta, Oreni conseguiu também convencer o grupo português Douro Azul a investir no Amazonas, no setor de turismo. Em março, durante a Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), a empresa anunciou que vai destacar 150 milhões de euros na construção de dois navios transatlânticos que vão fazer viagens dentro do Amazonas (Manaus-Iquitos-Manaus-Belém).

Prêmios

Entre os prêmios que Oreni Braga trouxe para o Amazonas destaca-se o World Travel Awards 2009, como o melhor Destino Verde da América do Sul (considerado o Óscar do turismo mundial) e Destaque Companhia de Viagem, na categoria Turismo Sustentável, em 2013. No final do ano passado, Oreni foi eleita a mulher mais influente do turismo nacional e ganhou o prêmio Personalidades do Turismo 2013, concedido pela Folha do Turismo, Mercado & Eventos, ABAV Nacional e Associação Brasileira de Imprensa.