Pedagogos da Semed participam de pós-graduação para melhorar a qualidade do ensino nas escolas - Fato Amazônico

Pedagogos da Semed participam de pós-graduação para melhorar a qualidade do ensino nas escolas

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) está investindo na melhoria da qualidade do ensino e aprendizagem das escolas com a especialização de 75 pedagogos. Eles estão cursando pós-graduação em Coordenação Pedagógica por meio do Programa Nacional Escola de Gestores, do Ministério da Educação (MEC). Ontem os pedagogos participaram do sexto e último encontro presencial do curso. O módulo está sendo realizado na sede da Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM) da Semed, zona Centro-Sul.

O curso teve início em maio do ano passado. Foram trabalhadas dez disciplinas e nesta etapa final, as aulas de Saúde na Escola e Gestão Pedagógica completam os 12 módulos que compõem a grade curricular da especialização.

Segundo a supervisora do curso, Josseane Costa e Silva, o foco da pós-graduação em coordenação pedagógica é trabalhar especificamente no processo de ensino e aprendizagem das escolas.

“O curso foca na organização do trabalho pedagógico. Em como o trabalho da escola pode ser otimizado no foco pedagógico, por isso foi trabalhado o planejamento escolar, projeto político-pedagógico, a rotina da escola, tudo em prol da qualidade do processo de ensino e aprendizagem”, explicou.

Para a assessora pedagógica Rosa Denise Diniz, que atua na Divisão Distrital Zonal (DDZ) Rural, as aulas do curso de pós-graduação estão servindo para aprimorar as ferramentas de condução do trabalho pedagógico dentro das unidades de ensino.

“Esse curso tem sido suporte para que a minha atuação como assessora pedagógica melhore. Estou auxiliando os pedagogos e gestores da minha DDZ a qualificar as práticas educacionais em sala de aula”, disse.

Os pedagogos serão aprovados após apresentarem, no mês de agosto, um trabalho de conclusão de curso que deve trabalhar na resolução de uma problemática encontrada nas escolas onde atuam.

A educadora Shirley Barros, que exerce a função de coordenadora pedagógica da DDZ Leste 1, está elaborando um artigo onde vai apresentar estratégias de combate às dificuldades de aprendizagem dos alunos.

“Eu cheguei a esse tema por visualizar nos assessoramentos pedagógicos a dificuldade que os alunos têm em desenvolver certas habilidades, principalmente em Matemática e Língua Portuguesa. Por isso, propus algumas técnicas de aprimoramento do ensino dos conteúdos em sala de aula usando o lúdico com ferramenta”, comentou.

Escola de Gestores da Educação Básica

O Programa Nacional Escola de Gestores da Educação Básica faz parte das ações do Plano Nacional da Educação (PNE), do MEC e surgiu da necessidade de construir processos de gestão escolar compatíveis com os atuais modelos de gerenciamento de instituições públicas de ensino, buscando assim, qualificar os professores das escolas. Em Manaus, a formação é feita pelo Ministério da Educação em parceria com Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

O curso formará, em nível de especialização (latu sensu), gestores e pedagogos das escolas públicas da educação básica.