Preso Weldson de Soares Silva Fotos: Erlon Rodrigues

A Polícia Civil do Amazonas cumpriu mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado em nome de Weldson de Soares Silva, 37, envolvido na morte do pedreiro Michel Duarte de França, ocorrido no dia 17 de janeiro deste ano, no bairro Tancredo Neves, zona leste da capital. A vítima tinha 40 anos.

As informações foram dadas pelo delegado Paulo Martins, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), na manhã desta terça-feira (26/02).

Conforme a autoridade policial, o crime ocorreu por volta das 22h, em uma casa do beco Bela Vista, no bairro Tancredo Neves. Segundo o delegado, no dia do fato, um homem identificado como Elias Freire da Silva, Michel e Weldson estavam consumindo bebidas alcoólicas juntos.

“Em determinado momento, Elias e Weldson tiveram uma discussão com Michel que culminou em luta corporal. Weldson conseguiu derrubar Michel e o segurou para que Elias, que já está sendo procurado pela polícia, o golpeasse nas costas utilizando uma faca, que ocasionou o óbito da vítima no local. Logo após o crime, testemunhas viram Weldson com a camisa suja com sangue da vítima”, informou Martins.

Pedido de prisão preventiva – O titular da DEHS explicou que ao longo das diligências em torno do crime, Weldson foi detido e conduzido até o prédio da especializada no dia 23 de janeiro deste ano, para prestar esclarecimentos. A autoridade policial representou à Justiça o pedido de prisão preventiva em nome do infrator. A ordem judicial foi expedida no dia 21 de fevereiro deste ano, pelo juiz George Hamilton Lins Barroso, da 1ª Vara do Tribunal do Júri. Weldson foi preso, neste mesmo dia, na casa onde morava no beco Bela Vista, no bairro Tancredo Neves.

“A motivação do desentendimento teria sido o fato de que no dia anterior ao crime, Elias convidou a companheira de Michel para consumir entorpecentes com ele, fato que teria sido presenciado pela vítima. Michel resolveu tomar satisfações com Elias no momento em que eles estavam consumindo bebidas alcoólicas juntos e isso culminou no homicídio do pedreiro”, argumentou a autoridade policial.

Investigações continuam – Paulo Martins enfatizou que as investigações em torno caso irão continuar com intuito de localizar e prender Elias Freire da Silva. “Ressaltamos que para quem puder colaborar com informações sobre o caso, disponibilizamos o disque-denúncia da DEHS: (92) 99229-6208. Asseguramos o sigilo da identidade dos informantes”, garantiu Paulo Martins.

Indiciamento – Weldson foi indiciado por homicídio qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis na DEHS, ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), localizado no quilômetro oito da rodovia federal BR-174, onde irá ficar à disposição da Justiça.