Policiais da Polinter prendem homem apontado como autor de homicídio - Fato Amazônico

Policiais da Polinter prendem homem apontado como autor de homicídio

A equipe de investigação da Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (DECP), sob a coordenação do delegado titular Antônio Rondon, prendeu na tarde da última quinta-feira, 9, por volta de 16h, Marcos Silva dos Santos, 32, por envolvimento em um homicídio de um presidiário. O crime ocorreu em setembro do ano passado dentro de uma das celas do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat).

De acordo com Rondon, Marcos e a vítima, identificada como Socorro Ronaldo dos Santos Souza, dividiam a mesma cela no Ipat. “O delito ocorreu em 16 de setembro de 2014. Na ocasião, ele matou o homem a pauladas, supostamente, por vingança, pois Socorro teria executado o primo dele”, explicou a autoridade policial. Na época, Marcos cumpria na unidade prisional por outro homicídio.

O mandado de prisão preventiva foi expedido em 20 de março deste ano, pelo juiz Anésio Rocha Pinheiro, da 2° Vara do Tribunal do Júri. Segundo o delegado, no momento da ação policial, Marcos encontrava-se residência dele, localizada na Rua 2, bairro Colônia Santo Antônio, zona Norte da capital. “Ele não estava mais preso porque havia conseguido um alvará de soltura e passou a responder pelo primeiro homicídio em liberdade provisória”, complementou Rondon.

Marcos foi autuado pelo crime de homicídio, previsto no artigo 121 do Código Penal Brasileiro, e após os procedimentos cabíveis, foi encaminhado novamente ao Ipat, onde ficará à disposição da Justiça.