Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A praia da Ponta Negra, localizado na zona Oeste de Manaus, foi palco da abertura da 1ª Taça Amazonas de Beach Soccer adulto masculino, com jogos no sábado (27) e  ontem (28). A terceira rodada e a grande final serão no próximo final de semana, com partidas a partir das 15h. A competição é uma realização do Governo do Estado do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), com apoio da Federação Amazonense de Futebol de Areia (FAFA).

Com empate de 4 a 4, o primeiro jogo entre Área Verde e Força de Cristo (FC) foi decidido nos pênaltis. Com duas cobranças convertidas para o Área Verde, o peso caiu sobre Jackson, o camisa 13 do Força de Cristo, para tentar a vitória da partida, porém, ele errou. O camisa 3 do Área Verde, Alexsander, não contou conversa, acertou o chute e sacramentou a vitória por 3 a 1 em cima do FC.

O autor dos 4 gols do Área Verde, Diogo, atribuiu a vitória da primeira partida da equipe na competição aos treinos e dedicação que estão tendo. “Nosso treino e foco, me ajudaram a somar esses 4 gols na partida e levar para os pênaltis. Nós treinamos três vezes por semana aqui mesmo, e isso tem dado resultado, pois, hoje viemos e ganhamos. Com certeza, o objetivo foi alcançado”, comentou.

As partidas entre o time do município de Silves e Barcelona, finalizaram em 4 a 2. Com dois gols de Apolo e dois gols do técnico e também atacante, Chilton, o Silves segue na disputa com 100% de aproveitamento.

Com gols de Felipe, Artur, Luciano e Lucas, a outra equipe que continua na competição é o time da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). A equipe venceu por 4 a 2 o time Solimões.

Quem nãos saiu feliz desta rodada, foi o atual campeão da Copa Cidade Manaus, o Estrela do Norte, pois perdeu por 8 a 7 para o Praça 14 que desde o início da partida mostrou mais disposição para a vitória, inclusive abrindo o placar do jogo.

Gelson Junior, o presidente da FAFA, ressaltou que o primeiro dia da competição já surpreendeu e que as expectativas tem sido superada em relação ao futebol de areia amazonense. “As expectativas da competição já foram até superadas. O que me surpreende é que os times daqui de Manaus, do Estado, parece que já são do Beach Soccer. Temos hoje na disputa equipes que estão pela primeira vez numa competição dessa modalidade, mas mostram bastante intimidade no atacar, no defender, no posicionamento. Tenho certeza que podem fazer mais e nós vamos dando a nossa soma e fazendo essas competições e revelando atletas”, frisou.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •