Prefeito de Borba altera horário de expediente para servidores pediram votos, diz deputada - Assista - Fato Amazônico

Prefeito de Borba altera horário de expediente para servidores pediram votos, diz deputada – Assista

O prefeito de Borba, Simão Peixoto Lima (SD) será denunciado ao Ministério Público Eleitoral e a Polícia Federal pela deputada estadual Alessandra Campêlo (PMDB) que na manhã desta quinta-feira foi a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado denunciar que o chefe do executivo do município da calha do Madeira tem feito ameaças aos servidores públicos.

“Ele antecipou o fim do horário do expediente para as dezesseis horas e ameaçou os servidores de demissão em caso de nova derrota de seu candidato no segundo turno”, disse Alessandra, informando que a partir das 16h todos os funcionários devem sair pelas ruas de Borba para pedir votos para o candidato do prefeito.

A parlamentar disse ainda que o prefeito Simão, suspendeu também as aulas a partir das 16h no município.

“Esse tipo de prática que foi utilizada para a eleição do ex-governador cassado José Melo está sendo utilizada também agora lá em Borba e em algumas outras prefeituras. No caso de Borba, eu recebi gravações em áudio, documentos e estou encaminhando, através de uma representação ao Ministério Público Eleitoral e à Polícia Federal para que se tomem as providências”, informou Alessandra, acrescentando ser um absurdo que dinheiro público esteja sendo atualizado.

“Vemos aqui velhas práticas sendo utilizado”, acrescentou a parlamentar, mandado um recado ao prefeito Simão Peixoto que estará na Assembleia fiscalizando a gestão dele.