O prefeito Arthur Virgílio Neto, acompanhado da primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro, recebeu na terça-feira, 30/10, um dos fundadores da Fazenda Esperança, o frei Hans Stapel, e o padre Vinicius Esch Gouveia, coordenador da instituição na região Norte.

Durante o encontro, as possibilidades de futuras parcerias para incrementar o trabalho realizado pela Fazenda Esperança, referência na recuperação de dependentes químicos, foram debatidas.

A ideia é que a instituição em Manaus consiga criar condições para atender o número crescente de crianças com dependência química, uma vez que a Fazenda Esperança só aceita jovens com mais de 18 anos.

Para a presidente do Fundo Manaus Solidária é preciso que toda a sociedade entenda a importância de se preservar a infância, principalmente lutando para manter as crianças longe das drogas.

“Foi uma alegria receber o frei Hans e o padre Vinícius. Hoje estamos observando e sentindo a necessidade de atender as crianças que estão tendo envolvimento com drogas muito cedo. Atualmente, a Fazenda Esperança existe em 15 países, com atendimentos em todo o Brasil. Por isso, estamos aqui prontos para servirmos no que estiver ao nosso alcance para vencermos essa luta contra as drogas”, destacou a primeira-dama.

O prefeito Arthur Neto lembrou que sempre foi parceiro da instituição e se colocou à disposição para ajudar em novos projetos que ajudem a livrar jovens e crianças do vício.

“A Fazenda Esperança é uma dádiva que Deus concedeu ao Brasil, pois se espalha por todos os estados. Fizemos um balanço das nossas ações passadas em conjunto e acertamos outras parcerias para frentes mais ousadas e que vão consagrar nosso respeito cristão por esse valoroso trabalho”, disse o prefeito.

O frei Hans Stapel fundou juntamente com o leigo Nelson Giovanelli a Fazenda da Esperança com sede em Guaratinguetá (SP), no ano de 1983. Nesses 35 anos, a obra alcançou 24 estados brasileiros e 15 países em diferentes continentes.

De passagem por Manaus, o frei aproveitou para visitar o prefeito e a primeira-dama e apresentar formas de firmar parcerias com o poder público para expandir o trabalho realizado na Fazenda Esperança, localizada no quilômetro 15, da rodovia BR-174 (Manaus – Boa Vista).

“Foi um momento muito especial onde tivemos oportunidades de trocar experiências e juntos vimos muitas possibilidades de trabalho para o bem de outras pessoas. Estamos lutando para ajudar esses jovens tomados pela droga. Não perdemos a esperança e vamos nos apoiar mutuamente para continuarmos fazendo outras parcerias juntos”, contou o fundador da instituição.