Prefeitura de Manaus promove ações de conscientização sobre autismo - Fato Amazônico

Prefeitura de Manaus promove ações de conscientização sobre autismo

Como parte da programação da Semana Municipal do Autismo, de 26 de março a 02 de abril, foi realizada ontem (30) uma sessão especial na Câmara Municipal de Manaus para reforçar o trabalho de conscientização da sociedade para uma questão que atinge aproximadamente 70 milhões de pessoas em todo o mundo. Durante a sessão, representantes de instituições, governamentais e não governamentais, foram homenageados com o Certificado Amigo do Autista.

O secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto, destacou que o a Organização Mundial de Saúde (OMS) já reconhece que existe uma epidemia de autismo no mundo, sendo necessário oferecer o suporte adequado aos pacientes e avançar na qualidade dos serviços.

“A Prefeitura de Manaus já oferece atendimento no Centro de Atenção ao Autista, o Abrigo Ruy, que é coordenado em parceria pelas secretarias municipais de Assistência Social, Saúde e Educação”, disse Homero de Miranda Leão, destacando, ainda, que a Semsa também oferece atendimento nos Centros de Atenção Psicossocial e tem capacitado profissionais médicos da rede municipal de saúde para realizar o diagnóstico precoce do autismo, o que é essencial para que a criança possa interagir melhor com o meio em que vive.

Para a secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Goreth Garcia Ribeiro, é essencial reforçar a articulação entre os órgãos municipais de Saúde, Educação e Assistência Social para melhorar o atendimento. “Sem maior articulação entre as instituições envolvidas no atendimento aos autistas e suas famílias, não será possível ter as condições necessárias na busca de soluções para os problemas encontrados”, afirmou a secretária.

O autismo é um transtorno de desenvolvimento marcado por três principais características: Inabilidade para interagir socialmente; Dificuldade no domínio da linguagem para comunicar-se; Padrão de comportamento restritivo e repetitivo. Atualmente, os estudos indicam que o transtorno tem como causa múltiplos fatores, incluindo questões biológicas e genéticas. A pessoa com autismo pode apresentar quadros de intensidade variável, entre leve, moderado ou grave. O diagnóstico normalmente deve ser feito preferencialmente antes da criança completar três anos de vida, quando os sintomas mais comuns começam a ficar evidentes.

Programação – Na tarde desta segunda-feira, dia 30, a prefeitura promove um bandeiraço na rotatória do conjunto Eldorado. A ação também tem o objetivo de chamar a atenção da sociedade e incentivar a discussão sobre o autismo. A programação da Semana Municipal do Autismo ainda inclui uma Missa de Ação de Graças marcada para o dia 1º de abril, na igreja Nossa Senhora das Mercês, além de um passeio ciclístico no Complexo Turístico da Ponta Negra.