A Prefeitura de Manaus promoveu, na manhã de ontem terça-feira, (23/10), o 3º Workshop para coordenadores de Telecentros e do Programa Nacional de Tecnologia Educacional (Proinfo) e exposição de projetos desenvolvidos pelos Clubes de Programação e Robótica Procurumim, que aconteceu na sede Secretaria Municipal de Educação (Semed). Durante a tarde, será realizada uma palestra, com os profissionais da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Norte apresentando o trabalho desenvolvido ao longo do ano.

No hall de entrada da Semed, foi realizada uma exposição de banners e robôs criados a partir de materiais reciclados, por cerca de 90 alunos, do 2º ao 9º ano do Ensino Fundamental, das Escolas Municipais Professora Dulcenides dos Santos Dias, Professora Isabel do Carmo Ribeiro, Presidente João Goulart, Madalena dos Santos Costa, Engenheiro João Alberto Menezes Braga, Jornalista Sabá Raposo, Lucila Freitas, Professora Rita de Cássia Cassiano e Rubens Sverner, que desenvolveram projetos utilizando tecnologia e materiais reciclados.

De acordo com a coordenadora de tecnologia da DDZ Norte, Kelly Ojopi, durante todo o ano letivo os alunos que fazem parte do Procurumim identificaram um problema ambiental nas escolas e por meio da robótica, sugerindo uma solução.

“O primeiro passo foi dado dentro da escola. Os alunos identificaram uma problemática ambiental, com material descartado que não era reaproveitado e, para amenizar essa situação, foram criados robôs com material reciclável. A ação é importante, porque deve ser estendida em casa e na comunidade”, explicou.

A secretária de Educação, Kátia Schweickardt, visitou a exposição e destacou a importância em alinhar educação, tecnologia, meio ambiente e matérias comuns que fazem parte do currículo pedagógico.

“Eu estou encantada com a apresentação dos alunos. Muitas dimensões estão sendo trabalhadas nesse projeto, que vão desde o conteúdo básico de Matemática, Língua Portuguesa e Ciências, ao da tecnologia a favor do meio ambiente. Com isso, estamos desenvolvendo cidadãos preocupados em viver em um planeta melhor”.

Estudantes da Escola Municipal Jornalista Sabá Raposo criaram o Robot 3RS, que combate o desperdício da água dos condicionadores de ar, ao reutilizá-la no jardim e na limpeza da escola. O robô foi desenvolvido pelos alunos do 8º ano, mas todos os demais discentes estiveram envolvidos.

“Todos os dias uma turma é responsável em recolher o balde com a água que sai dos aparelhos. No momento em que o balde enche, o robô começa a apitar e o professor escolhe um aluno para desabastecer o balde. Isso a gente pode fazer em casa também e evitar o desperdício”, explicou a aluna Laila Pereira, 15.