Projeto Arte no Parque leva teatro e diversão a frequentadores do Parque do Mindu - Fato Amazônico




Projeto Arte no Parque leva teatro e diversão a frequentadores do Parque do Mindu

A quinta e última edição deste ano do Projeto Arte no Parque, desenvolvido pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas ) e Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), levou ao palco do anfiteatro do Parque do Mindu, na manhã deste domingo, 1º de dezembro, a peça Le Solo Palhaço.

O espetáculo, encenado pela Companhia Língua de Trapo, conta a história do palhaço Tolo e sua trupe de circo, remetendo o público às experiências e à magia do picadeiro. A peça fez, principalmente, a alegria da garotada que, de forma interativa, pode dividir o palco e as peripécias vividas pelos personagens. O Projeto Arte no Parque terá continuidade em 2014, com novas atrações culturais no primeiro domingo de cada mês em uma unidade de conservação municipal.

De acordo com a secretária municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Kátia Schweickardt, a intenção é dar continuidade a essa parceria com a Manauscult para a execução das atividades em 2014. “Estamos resgatando uma atividade que já existiu no Parque do Mindu há muito tempo, e ainda ao fortalecendo a parceria cultura, arte e meio ambiente, fazendo com que a população volte a se apropriar desse e de outros espaços protegidos da cidade”, explicou.

Em 2014, o projeto contará com atrações musicais, espetáculos de teatro e dança, exposições, poesia, literatura, entre outras linguagens artísticas. Desde agosto, quando teve início o projeto, até agora, já foram apresentados shows musicais com artistas locais, a exemplo dos cantores e compositores amazonenses Antonio Pereira, Lucinha Cabral e Serginho Queiroz, e a peça infantil A Lenda da Cobra Norato, do grupo de teatro Artes e Mithos.

O público presente aprovou a iniciativa. A comerciante Gisele Freitas, 32, que levou os filhos junto com um grupo de amigos para conhecer o parque, ficou feliz ao tomar conhecimento do projeto. “É uma forma de atrair ainda mais o público a visitar e conhecer este espaço tão lindo e estamos adorando”, afirmou. O pequeno Alexandre Santos, 7, se divertiu com a trupe. Para a mãe dele, Lilian Santos, iniciativas como esta são sempre muito bem-vindas, como opções de lazer para o domingo na cidade.