Seguindo a determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto, mais de 30 fiscais do Departamento do Comércio Informal da Secretaria Municipal de Feiras, Mercados, Produção e Abastecimento (Sempab) estão intensificando a fiscalização no Centro da cidade manter o reordenamento das ruas onde os camelôs foram realocados para as galerias oferecidas pela Prefeitura de Manaus e coibir a entrada de pessoas que queiram se aproveitar para invadir novamente o espaço público.

Além dos fiscais, a Sempab também está monitorando a presença de ambulantes no Centro, através das câmeras do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops).

Segundo o secretário Fábio Pacheco, mais oito servidores serão enviados para atuarem na área central da capital amazonense. “Vamos colocar oito pessoas que trabalham na área administrativa para fazer parte da fiscalização do Centro para evitar possíveis invasões nas áreas onde os camelôs foram realocados”, completou.