Simulado testa conhecimentos de mais de 80 mil alunos - Fato Amazônico

Simulado testa conhecimentos de mais de 80 mil alunos

Mais de 80 mil alunos da rede municipal de ensino passaram por uma avaliação para testar os conhecimentos adquiridos nas aulas de língua portuguesa e matemática nestes primeiros meses do ano letivo de 2014. Ao todo, 3.035 turmas dos 2º, 3º, 4º e 8º anos do ensino fundamental realizaram o exame que começou a ser aplicado na última semana e encerrou-se nesta segunda-feira, 12. A prova é bimestral.

A chefa da Divisão de Avaliação e Monitoramento (DAM) da Semed, Núbia Pinto Breves, explicou que as provas ocorrem para verificar o desempenho dos alunos da rede. As avaliações fazem parte das Ações Estratégicas da Secretaria Municipal de Educação (Semed) para melhoria dos índices da educação na rede municipal.

“As avaliações são feitas a partir dos conteúdos trabalhados em cada turma. Por meio dos resultados, os professores trabalharão as necessidades dos alunos com planos de ações que já estão sendo desenvolvidos dentro das salas de aula”, informou Núbia.

A coordenadora da Divisão Distrital Zonal 1, informou que só na zona Sul, cerca de sete mil alunos realizaram a avaliação. “Todos foram avaliados nos conteúdos de português e matemática. A intenção é observar o nível de proficiência dos alunos destes períodos para corrigir essas falhas”, disse.

Mesmo depois de duas horas de prova, o aluno do 8º ano da Escola Municipal Vicente de Paula, Victor Duarte de Souza, 16, mostrou-se entusiasmado e confiante com o resultado. “Eu achei que nós estávamos bem preparados e não achei nenhum bicho de sete cabeças esta prova. Com certeza é uma avaliação muito boa pra gente. É um preparatório para as séries seguintes e isso serve para avaliar nosso conhecimento de agora para saber se estamos aptos para continuar as séries seguintes”.

Para a estudante Geovanna Pereira, 12, a avaliação vai influenciar no futuro escolar dos alunos. “Eu sei que essa prova de hoje vai me ajudar lá na frente, quando eu estiver prestes a me formar ou estudando para a profissão que irei exercer”, comentou.

A correção dos gabaritos será realizada pelo Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) e os resultados serão divulgados em 15 dias. Após a análise dos resultados, a intervenção é direcionada aos assuntos em que os alunos possuem maior deficiência.

Participaram da prova 24.345 mil alunos do 2º ano, 23.499 do 3º ano, 22.076 do 4º ano e 10.262 do 8º ano, totalizando 80.182 mil alunos da zona urbana e ribeirinha.