Reunião entre Susam e Ministério da Saúde

A Secretaria Estadual de Saúde (Susam) e o Ministério da Saúde retomaram, ontem (07/03), as tratativas para a implantação do programa de transplante no Estado. Em reunião com o vice-governador e secretário de saúde, Carlos Almeida, a representante da Coordenadoria Nacional de Transplante de Órgãos e Tecidos (CNT),  Daniela Salomão, disse que o MS tem interesse em investir no Amazonas para minimizar os grandes vazios assistenciais relacionados aos transplantes de rim e fígado.

“O Ministério da Saúde está aqui hoje para apoiar no desenvolvimento dessas atividades. Estamos aqui para falar sobre o transplante de córnea que o Amazonas já realiza e, se possível, propiciar meios para o desenvolvimento de outras atividades de transplantes que seriam, a princípio, de rim e de fígado”, explicou a coordenadora da CNT.

De acordo com Carlos Almeida, os transplantes estão entre as pautas principais do novo governo, que está atuando junto ao Ministério da Saúde para que saia do papel, o quanto antes. O Hospital e Pronto-Socorro da Zona Norte (Delphina Aziz) está sendo preparado para ser referência nessa área.  “O que a gente puder para resolver isso, vamos fazer. O interesse é público”, disse.

A secretária executiva adjunta de Atenção Especializada da Capital, Kelem Maia Portela, afirmou que os pacientes que necessitam de transplantes utilizam, atualmente, o programa Tratamento Fora de Domicílio (TFD), que não é o ideal. “Com a realização aqui no Estado nós teremos otimização de recursos, sem contar que o amazonense não terá necessidade de deslocamento e as despesas com viagens e passagens vão reduzir”, enfatizou Portela.

Segundo a secretária, o apoio do Ministério da Saúde será em relação à habilitação do hospital e também a tutoria necessária ao programa para a capacitação dos profissionais locais.