A Uefa informou na quinta-feira que o Órgão de Controle Financeiro de Clubes abriu uma investigação contra o Manchester City para apurar se o clube inglês violou as regras de fair play na hora de contratar jogadores.

“A investigação foca em várias supostas violações do fair play financeiro que foram divulgadas recentemente em vários veículos de comunicação”, afirmou a entidade máxima do futebol europeu em nota.

A Uefa explicou que não divulgará mais informações sobre o caso enquanto a investigação estiver em andamento.

O City reagiu minutos depois da publicação da nota da Uefa. Em comunicado, o clube inglês afirmou que “acolhe com satisfação a abertura de uma investigação formal da Uefa como uma oportunidade para pôr fim às especulações derivadas da invasão ilegal e a publicação fora de contexto dos e-mails do City”.

“A acusação de irregularidades financeiras é totalmente falsa. As contas divulgadas do clube estão completas e são um assunto de registro legal e regulamentar”, completou o City. (agência Efe)