Última visão de Ellen White foi alerta para a espiritualidade dos jovens - Fato Amazônico

Última visão de Ellen White foi alerta para a espiritualidade dos jovens

Brasília, DF … [ASN] Há exatamente um século, a Review and Herald – publicação antológica adventista – apresentava o conteúdo da última visão recebida pela pioneira da denominação, a escritora Ellen White. Em 15 de março de 1915, o texto intitulado “Uma mensagem para nossos jovens” é considerado um alerta interessante para os jovens. A visão propriamente dita ocorreu no dia 3 de março.

Os adventistas do sétimo dia creem que Ellen White recebeu visões da mesma maneira como diversos profetas autores de livros da Bíblia. A denominação ressalta, no entanto, que os escritos da norte-americana não são superiores e nem substituem a narrativa do Antigo e Novo Testamentos.

O teor da visão apresenta diferentes aspectos que são interpretados como alertas. O primeiro deles diz respeito aos cuidados com o tipo de leitura. Ellen White afirmou que os jovens devem buscar leitura que pareça recomendável para edificação do caráter. Ela acrescenta, ainda, que “os jovens deveriam ler o que terá um efeito saudável e santificador sobre a mente. Necessitam fazer isso com a finalidade de estar capacitados para discernir qual é a religião verdadeira”.

Outro alerta na última visão antes da morte, a cofundadora da Igreja Adventista reafirma a importância de a juventude ser ajudada, elevada e animada, só que da maneira correta.

O pastor Almir Marroni, vice-presidente da Igreja Adventista para oito países sul-americanos, comenta que essa última visão é uma clara orientação a respeito dos critérios que todas as pessoas, e não apenas os jovens, precisam desenvolver em termos de vigilância espiritual sobre o que veem, ouvem e leem. “Não podemos nos esquecer que, no tempo em que esse material foi escrito, a leitura era o principal meio de informação e, também, de lazer. Ou seja, ela fala a respeito da importância de se pensar nas atividades realizadas em horário de lazer”, acrescenta.

Ellen White morreu no dia 16 de julho de 1915. E, nesse ano, os adventistas em todo o mundo relembram o centenário de seu falecimento e aproveitam para divulgar com maior ênfase a relevância de seu ministério em diferentes áreas como religião, educação, saúde, relacionamento interpressoal e liberdade religiosa. [Equipe ASN, da Redação]