Wilson Lima estava acompanhado do vice-governador e secretário de Saúde, Carlos Almeida Filho quando recebeu informações da direção da unidade sobre as dificuldades (Foto Secom)

O Governador Wilson Lima visitou na sexta-feira, 04, o Hospital Universitário Francisca Mendes (HUFM), na Zona Norte de Manaus, para conhecer a estrutura da unidade, que é referência em cardiologia adulta e pediátrica na região.

Durante a visita, Wilson Lima se deu conta, por exemplo, que estoque de medicamentos do hospital é de apenas 23%. “A saúde é prioridade, não dá pra continuar com essa situação”, admite o governador, que durante a visita esteve acompanhado do secretário de Saúde, vice-governador Carlos Almeida Filho, e do reitor da Ufam, Sylvio Puga.

Segundo o governador, vários foram os problemas apontados pela direção do hospital, como falhas em contratos, falta de insumos, atraso no pagamento de colaboradores e filas para cirurgias.

“Lamentavelmente, a Secretaria de Saúde não tinha controle dos contratos. Alguns procedimentos administrativos ainda são feitos na máquina de datilografar. Isso não é exagero, não. É Preciso modernizar o setor para diminuir as filas, melhorar o atendimento ao cidadão, controlar os gastos e garantir o avanço da saúde no Estado”, declarou,

Wilson Lima declarou, também, que os dados que fornecidos à equipe de transição não refletem a realidade e que já determinou ao secretário Carlos Almeida um levantamento detalhado da situação do hospital.

“Precisamos compreender melhor sobre o volume de contratos, os que foram pagos, os que não-pagos e os que estão para vencer ou irregulares”, comentou o secretário de Saúde.

Wilson Lima reafirmou a parceria do Governo do Estado com a Universidade Federal do Amazonas e que irá avaliar as propostas feitas pela direção do HUFM, como a ampliação dos polos de atendimento que ajudaria a agilizar o atendimento.