Mais um recorde para o Rio, mais um negativo, mas mais um recorde. Nunca antes na história deste país, e provavelmente deste planeta, todos os governadores eleitos vivos de um estado estão ou foram presos!!! Isso mesmo, com a prisão, nesta quinta-feira (21/03), de Moreira Franco, governador do Rio de Janeiro entre 1987 e 1991, todos os governadores eleitos do Rio que estão vivos foram ou estão presos.

Moreira, Anthony Garotinho (1999-2002), Rosinha Garotinho (2003-2007), Sergio Cabral Filho (2007-2014) e Luiz Fernando Pezão (2010-2014) foram presos e só o casal Garotinho continua solto.

Dos eleitos desde a fusão, apenas Brizola (1983-1987, 1991-1994) e Marcello Alencar (1995-1999) nunca foram presos, mas o filho de Alencar foi denunciado por estelionato em 1994. É como dizem, parece que na política do Rio a única coisa que se produz é esquema.

Vale ressaltar que desde a fusão, 4 vices assumiram o mandato de governador. Nilo Batista (1994-1995), quando Brizola foi candidato a presidente. Hoje Nilo mantém o trabalho de advogado, de professor de direito Penal e voltou recentemente à mídia por ser advogado de Régis Fitchner, secretario da Casa Civil no governo Cabral.

Depois foi a vez de Benedita Silva (2002), que assumiu o mandato quando Garotinho saiu para presidente e atualmente é a única representante do PT do Rio na Câmara Federal. Mais recentemente, foi a vez de Pezão, e vocês sabem o que aconteceu. Francisco Dornelles (2018) assumiu temporariamente o mandato, mas também está denunciado por corrupção! (diariodorio.com)