Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A cada etapa o campeonato fica mais acirrado, com a disputa de aproximadamente 90 pilotos em mais de 18 categorias. A competição desse ano tem como diferencial a participação de pilotos do Sul e Sudeste, que perderam espaço para competir com o fechamento do Velopark, no Rio Grande do Sul.

Ganha nas categorias quem faz as melhores pontuações, além de quem vence as disputas pelo sistema conhecido como “mata-mata”, com classificação para a melhor performance na largada. A organização do campeonato também inseriu pontuação na “quebra” de recordes, valendo pontos extras que são adicionados à classificação dos pilotos.

Até novembro serão realizadas cinco etapas. Os melhores pilotos do Amazonas são inseridos no ranking nacional de arrancada. O esporte no Estado tem ganhado bastante mídia nacional, tanto por conta da qualidade e excelência na organização do campeonato, quanto pela técnica dos competidores e competitividade dos veículos.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •