Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) realiza, de 3 a 7 de agosto, uma série de atividades em alusão à Semana Mundial de Amamentação. Serão palestras e seminários on-line, além de ações nas maternidades e Bancos de Leite Humano (BLHs) do Estado. A Semana Mundial de Aleitamento Materno em 2020 tem como tema “Apoiar a amamentação para um planeta mais saudável”, e é organizada na Susam pela Coordenação Estadual de Saúde da Criança.

A abertura da semana acontece na segunda-feira (03/08), a partir das 9h, no Centro de Mídias da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, com a presença do secretário interino de Saúde, Marcellus Campêlo.

Durante o primeiro dia, a enfermeira neonatal e coordenadora estadual da saúde da criança, Rhamilly Amud Karan, apresentará a palestra “Amamentação e sustentabilidade para um planeta saudável”.

“A semana mundial de 2020 se concentra no impacto da alimentação infantil no meio ambiente, nas mudanças climáticas e na necessidade urgente de proteger, promover e apoiar o aleitamento materno para a saúde do planeta e também do povo, então vamos apresentar o quanto a amamentação é um excelente exemplo das profundas conexões entre a saúde humana e os ecossistemas”, explicou.

Ações – A programação da Semana Mundial de Amamentação faz parte das ações do Agosto Dourado, mês de incentivo ao ato de amamentar, instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Entre a ações, já teve início e está em andamento a campanha “Doe um Frasco de Amor”, que tem como objetivo a coleta de potes para o armazenamento do leite doado aos BLHs.

O leite materno é um alimento natural e renovável, ambientalmente seguro e ecológico, porque é produzido e entregue ao consumidor com o mínimo de poluição, embalagem ou desperdício.

Já os eventos on-line, acontecerão durante toda a semana, das 9h às 11h, também no Centro de Mídias, e serão transmitidos pelo Youtube da Susam e aplicativos Mano e Zoom.

A programação também contará com ações de conscientização sobre a importância do ato de amamentar nas maternidades da rede estadual de saúde e nos BLHs do Estado.

Alimento completo – O leite materno é um alimento completo, que apresenta fácil digestão e contém os nutrientes e a quantidade de água necessária ao bebê, além de fornecer anticorpos, favorecendo a imunidade. O Ministério da Saúde defende que o bebê seja alimentado apenas do leite materno nos seus seis primeiros meses de vida.

O alimento é o único alimento que fornece nutrientes importantes para o desenvolvimento cerebral, que combate infecções, protege a criança contra bactérias e vírus e evita diarreias. Ainda segundo o Ministério da Saúde, o recém-nascido alimentado apenas com o leite materno tende a se recuperar de doenças com mais facilidade.

Histórico – A Semana Mundial do Aleitamento Materno começou a ser elaborada em 1991, como uma estratégia global para promover a importância da amamentação, sob a coordenação da Organização Mundial da Saúde (OMS) e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), em parceria com Organizações Não Governamentais (ONGs).

No Brasil, a campanha é realizada pelo Ministério da Saúde desde 2012, sempre na primeira semana de agosto, com a participação das secretarias estaduais e municipais, bancos de leite humano e demais parceiros. A partir de 2017, o mês de agosto foi definido como o mês de aleitamento materno, após o Congresso Nacional sancionar a Lei nº 13.435, instituindo o Agosto Dourado.

PROGRAMAÇÃO

Dia 3 de agosto

• Abertura

Mesa de Abertura: Marcellus José Barroso  Campêlo, secretário interino de Saúde; Cássio Roberto do Espírito Santo, secretário executivo adjunto de Atenção Especializada do Interior; Débora Nandja Madeira, chefe de escritório da Unicef em Manaus; Drª Rossyclei Pinheiro, da Sociedade Amazonense de Pediatria; Janine Selva Ginani, da Coordenação de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde; e Rhamilly Amud Karam, coordenadora estadual da Saúde da Criança e mediadora da mesa

Tempo: 30 minutos

• Palestra: Amamentação e sustentabilidade para um planeta saudável

Palestrante:  Rhamilly Amud Karam, coordenadora estadual da Saúde da Criança

Tempo: 30 minutos

Dia 4 de agosto

• Seminário: Atenção à saúde e nutrição na resposta humanitária

Palestrante: Antônio Carlos Cabral, especialista em Saúde e HIV da Unicef

Tempo: 30 minutos

• Seminário: Crianças refugiadas: Como podemos protegê-las

Palestrante:   Katherine Benevides, psicóloga clínica e assessora materno-infantil

Tempo: 30 minutos

• Seminário: A importância do acompanhamento do recém-nascido de baixo peso e amamentação

Palestrante: Brisa Rêgo Rocha, pediatra neonatologista e consultora em Lactação da International Board of Lactation Consultant Examiners (IBCLC)

Tempo: 30 minutos

Dia 5 de agosto

• Seminário: Alimentação complementar após a amamentação exclusiva

Mediadora:  Joselina Castro, nutricionista e oordenadora de Alimentação e Nutrição da Susam

Tempo: 2 horas

• Seminário: Importância da introdução de alimentos na primeira infância 

Palestrante:  Gisele Ane Bortolini, coordenadora-geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde (CGAN-MS)

• Seminário: Comportamento alimentar X qualidade de vida na infância

Palestrante: Maely Nunes, psicóloga, facilitadora da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil (Eaab) e membro da Rede Internacional em Defesa do Direito de Amamentar (IBFAN)

• Seminário: Manipulação e higiene dos alimentos no contexto atual

Palestrante: Tânia Batista, nutricionista e coordenadora de Nutrição da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa Manaus)

Dia 6 de agosto

• Seminário com Bancos de Leite Humano

• Bate-papo com as Coordenadoras dos Bancos de Leite Humano

• Apresentação dos Bancos de Leite Humano

• Apresentação do Caminho do Leite Humano e os cuidados com suas etapas

• Amamentação nos tempos de Covid e seus cuidados

• Banco de Leite Fezinha Anzoategui (Maternidade Balbina Mestrinho), com a enfermeira Tânia Ramires Gondim

• Banco de Leite da Galiléia (Maternidade Azilda Marreiro), com a enfermeira Ana Hilda Menezes Brito

• Banco de Leite Humano do Amazonas (Maternidade Ana Braga), com a enfermeira Maria Elizabeth Hardman

• Palestra: Apoio à mulher na amamentação para um planeta saudável

Palestrante:  Adalberto Taketomi, enfermeiro, especialista em Saúde da Mulher, apoio técnico à Coordenação Estadual da Saúde da Mulher

Tempo: 15 minutos

• Palestra: Proteção legal do Aleitamento Materno

Palestrante: Ivone Amazonas, enfermeira obstetra, representante do IBFAN Brasil e presidente do Associação Brasileira de Obstetrizes e Enfermeiros Obstetras (Abenfo) no Amazonas

Tempo: 15 minutos

Dia 7 de agosto

• Live: Desafios da Amamentação e Alimentação Saudável no contexto atual

Com Rhamilly Amud Karam e Joselina Castro


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •