Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A estudante Giovanna Sotelo, do Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) Professor Sérgio Alfredo Pessoa, irá representar o Amazonas, no período de 25 a 29 de novembro, em Brasília. A aluna é uma das finalistas do Programa Jovem Senador, que seleciona, por meio de um concurso de redação, 27 estudantes de Ensino Médio das escolas públicas estaduais para vivenciarem o trabalho dos  parlamentares no Congresso Nacional.

Com o tema “Analfabetismo financeiro”, a estudante fez uma analogia entre o controle das despesas domésticas e o das despesas num cenário mais coletivo, que seria o acompanhamento dos gastos feito pelo Governo. “Explicitei o fato de muitos não acompanharem o orçamento porque não possuem um domínio administrativo de qualidade, o qual devia ser trabalhado desde o ensino básico, já pensando em formar a sociedade brasileira ciente de todo o processo, e quais decisões tomar para que o país pudesse se desenvolver da melhor forma possível, tratando das prioridades”, disse.

Juntamente com outros 26 estudantes do Ensino Médio de escolas públicas, um de cada estado do Brasil, a aluna passará uma semana em Brasília para atuar como jovem senadora. Eles vão se reunir nas comissões e no Plenário para apresentar, discutir e aprovar sugestões que podem tramitar como Projetos de Lei (PL), caso sejam acolhidas pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).

A professora orientadora de Giovanna, Alexandra Chaves, trabalha com redação há dois anos no Ceti Sérgio Pessoa e explica que suas aulas são voltadas para as provas de vestibulares – e também para concursos como Olimpíada da Língua Portuguesa, Programa Jovem Senador e outros. “A nossa expectativa é tornar os nossos alunos pensantes, torná-los seres argumentadores a partir da escrita. O Jovem Senador vem pra somar nessa perspectiva de olhar como o jovem pode ter uma ótima argumentação”, afirma.

Ainda conforme Chaves, ao conhecer a temática do evento, a instituição obteve a parceria com outros professores que auxiliaram com o conteúdo sobre orçamento público e papel político e cidadão. “Nós conseguimos realizar as oficinas de redação e, dentro desse processo, pudemos avaliar o material dos estudantes dos 2º e 3º anos, selecionando, assim, a redação da Giovanna Sotelo, que defende em seu texto o acesso ao orçamento público desde o ensino básico”, destaca.

Participação – Além de Giovanna, o Amazonas teve ainda outras duas finalistas que enviaram suas redações para o Programa. As alunas finalistas foram: Larissa Menezes de Freitas, da Escola de Ensino Integral Marcantonio Vilaça, Gioavanna Beatriz André Lopes, da Escola Estadual Nossa Senhora de Nazaré, do município  Manacapuru.

Comissão Julgadora – Os textos produzidos pelos alunos foram avaliados em duas etapas.  No dia 1º de outubro, foram classificados os três finalistas de cada unidade da federação. No último dia 3, na segunda etapa de classificação, foram escolhidos os primeiro, segundo e terceiro lugares nacionais, dentre as 27 redações classificadas em primeiro lugar nos estados brasileiros e no Distrito Federal. A comissão foi composta por representantes do Ministério da Educação (MEC), Exército, Marinha, Aeronáutica, Conselho Nacional de Secretários de Educação e Senado Federal.

Premiação – Os alunos selecionados para irem até a capital federal terão experiência vivencial em Brasília como jovens senadores, com despesas pagas pelo Senado Federal, e receberão diploma de posse como Jovem Senador 2019 e certificado de participação no concurso de redação.

As redações serão divulgadas no livreto de compilação das redações vencedoras, que tem tiragem de 20 mil exemplares e é encaminhado para todas as escolas públicas estaduais de Ensino Médio do Brasil.

Os professores orientadores também terão experiência vivencial em Brasília, com despesas pagas pelo Senado Federal, com participação em curso especialmente desenvolvido para que possam aprofundar seus conhecimentos sobre o trabalho legislativo. Eles receberão, ainda, certificado de participação no concurso de redação e crédito de orientador da redação vencedora divulgado no livreto de compilação das redações vencedoras.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •