Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou, em entrevista coletiva, nesta quarta-feira (15/7), que as comemorações de Ano Novo e Carnaval não serão possíveis no estado sem a vacina contra o novo coronavírus.

“O Brasil está prestes a alcançar 2 milhões de infectados. É a maior tragédia desse país em qualquer tempo. Não há nada a celebrar, a comemorar. Não temos de celebrar o Ano Novo e o Carnaval diante de uma pandemia”, ressaltou.

Doria ainda destacou que “apenas com uma vacina pronta, aplicada e imunização feita poderemos ter celebrações que fazem parte do calendário do país”, mas que não é momento de pensar nisso.

O governador reafirmou a importância de manter as medidas de isolamento social e proteção.

“Os lugares que descuidaram, aceitaram e mantiveram a realização de aglomerações, pessoas sem máscaras, e que não respeitaram o distanciamento social, sofreram os impactos do coronavírus. Não relaxem. Nós ainda estamos em pandemia”, frisou. Com informações de Metrópoles.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •