Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

METRÓPOLES – Chega ao fim a disputa judicial entre o youtuber Felipe Neto e o pastor Silas Malafaia, ligado à Assembleia de Deus. Após dois anos de entrave, eles acabam de firmar um acordo.

Segundo o colunista de O Globo Lauro Jardim, o influenciador digital deverá publicar, até a próxima sexta-feira 08/11, um vídeo em que diz: “Em acordo na queixa-crime (…), venho esclarecer que: eu critico a postura e não concordo com muitas coisas que o pastor Silas Malafaia fala, mas não posso provar e afirmar que ele enriquece através de fiéis.“

A filmagem será a maneira de Neto se retratar por, em 2017, ter acusado o religioso de explorar “a fé das pessoas para enriquecer”. A declaração foi feita em um vídeo sobre a posição do pastor em relação a causas LGBT.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •