Aeronave apreendida pela PF será usada pela Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG). — Foto: Polícia Militar de Minas Gerais/Divulgação
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O avião Cessna Citation 560 XLS, prefixo PR-TRJ, avaliado em 4 milhões de dólares, de propriedade do médico Mouhamad Moustafá, apreendido ano passado pela Polícia Federal no Amazonas, foi cedido pela justiça federal para a Polícia Militar do Estado de Minas Gerais.

Segundo informação do G1, avião será usado para ações de combate ao crime organizado, segurança pública, defesa civil, transporte de enfermos e órgãos vitais, ações de meio ambiente, escoltas e remoção de presos de alta periculosidade.

O pedido da Advocacia Geral do Estado (AGE) foi acatado pela desembargadora Mônica Sifuentes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, tornando a PMMG fiel depositário do avião. Ainda segundo a PM, a aeronave Cessna Citation 560 XLS, de 2006, tem velocidade média de 800 km/h e alcance de 3.500 km.

Mouhamad Moustafá foi condenado a 15 anos e 4 meses de reclusão em regime fechado.

Ele é apontado como líder de um esquema que desviou milhões em verbas na Saúde no Amazonas.

A fraude foi contatada durante as investigações da operação Maus Caminhos. Outros réus também foram condenados.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •