Reprodução Instagram
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A influencer Bianca Andrade, a Boca Rosa, sofreu sua primeira derrota no processo que a Globo move contra ela por quebra de contrato. A empresária pediu que o processo corresse sob segredo de Justiça e teve seu pedido negado. Com informações de Metrópoles.

De acordo com informações do Notícias da TV, que teve acesso ao documento, a juíza Débora Maria Barbosa Sarmento alega que o segredo de Justiça só é concedido a casos previstos em lei: “Quais sejam: em que se exija o interesse público ou social, que versem sobre casamento, união estável, filiação e arbitragem ou em que constem dados protegidos pelo direito constitucional à intimidade”.

No pedido, Boca Rosa alegou que, com o processo disponível para consulta, sua intimidade seria afetada, já que conversas de Whatsapp entre ela, sua equipe empresarial e pessoas da Globo estão anexadas.

Porém, a juíza não aceitou as justificativas da blogueira. “A mera transcrição de mensagens trocadas por terceiros sobre questões atinentes ao contrato firmado entre as partes de modo algum importa em ofensa à intimidade, pelo que indefiro o respectivo pleito”, sentenciou.

Entenda

A Globo decidiu processar a influencer Bianca Andrade, mais conhecida como Boca Rosa, por acreditar que a ex-BBB escondeu sua participação no reality show Soltos em Floripa quando assinou seu contrato para entrar no BBB20, e pede R$ 500 mil por quebra de acordo.

A emissora alega, no documento, que Bianca não cumpriu com a cláusula de exclusividade do seu contrato ao aparecer em um programa concorrente. A ação foi protocolada pela Globo na 7ª Vara Cível do Rio de Janeiro.

Com o processo, a blogueira virou “persona non grata”, perdeu programa que estava sendo desenvolvido e está proibida de participar das atrações do canal.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •