Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente Jair Bolsonaro decidiu manter no cargo o chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência, Fábio Wajngarten, acusado de receber dinheiro de empresas de mídia contratadas pelo Planalto.

“É um excelente profissional. Se fosse uma porcaria igual alguns que tem por aí, ninguém estaria criticando ele”, disse o presidente ao sair do Palácio da Alvorada.

A revelação de que o chefe da Secretaria de Comunicação do Palácio do Planalto (Secom) Fabio Wajngarten recebe dinheiro de emissoras de TV e agências de publicidade contratadas pelo governo criou mais uma crise politica no Palácio do Planato. Bolsonaro passou o dia em conversas para decidir o futuro de Wajngarten, que nega irregularidades

“Se for ilegal, a gente vê lá na frente. O que eu vi até agora, está tudo legal com o Fabio. Vai continuar. É um excelente profissional”, disparou Bolsonaro.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •