Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Gazeta Esportiva – O Botafogo teve tempo para trabalhar visando a estreia da Taça Rio, neste domingo, contra o Boavista, no Nilton Santos. No entanto, o técnico Paulo Autuori ainda não sabe se poderá contar com o japonês Honda para o jogo.

Os alvinegros buscam a regularização do seu reforço, mas tem encontrado dificuldade com a burocracia, principalmente para obter o visto de trabalho para o meia. Para piorar, o Carnaval fez com que os órgãos brasileiros entrassem em recesso e dificultou o trâmite da documentação.

Segundo o regulamento da Federação Carioca, Honda terá que estar regularizado até esta quarta-feira para poder estar apto para o duelo contra o Boavista. Por isso, os dirigentes e a comissão técnica já trabalham com a possibilidade de Honda só estrear no meio da Taça Rio.

Dentro de campo, Honda vem trabalhando normalmente com o elenco. O japonês tem sido muito elogios pelos companheiros.

“Está surpreendendo bastante. Até na língua a gente brinca que daqui a pouco ele vai estar falando português. No início é um pouco mais difícil a adaptação, mas tenho certeza que ele é um cara que vai somar demais”, disse o zagueiro Rhuan Renato.

O Botafogo vai em busca de uma boa campanha na Taça Rio para apagar a sequência de eliminações precoces nos turnos do Campeonato Carioca.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •