Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Aproveitando o lançamento do novo programa de reordenamento da área de saúde no Estado, o “Saúde Amazonas”, que terá investimento inicial na ordem de 1,4 bilhão, até 2022. O deputado estadual Cabo Maciel (PL), formalizou pedido a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), em forma de indicação a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para atender a população das vilas de Novo Remanso, Engenho e Lindóia, no município de Itacoatiara (distante 176 km em linha reta da Capital), que juntas reúnem uma população de 18 mil habitantes.

De acordo com Cabo Maciel, a UPA é um tipo de unidade hospitalar de média complexidade implantado em várias cidades do Brasil, fazendo parte do Sistema Único de Saúde. Criadas com o objetivo de fazerem a intermediação entre as unidades básica de saúde e os hospitais, as unidades também têm o objetivo de diminuir as filas nos prontos-socorros dos hospitais, evitando que casos de menor complexidade sejam encaminhados para as unidades hospitalares.

Desta forma, os hospitais podem priorizar os atendimentos mais graves ou de acordo com seu perfil. Hoje, mais de 99% dos casos são resolvidos nas UPAs. Menos de 1% precisam ser transferidos para hospitais.

“As UPAs também possuem acolhimento, classificação de risco, exames laboratoriais e raios-X, sala vermelha para atendimento aos casos mais graves, leitos de observação pediátrica e clínica, além de observação individual”, ponderou o parlamentar.

Nas unidades mais antigas, há sala de medicação e de nebulização. Diante disso, ele reforça seu pedido para que sejam tomadas providências no sentido de atender as reivindicações de milhares de famílias que ali residem, para que tenham melhores condições de vida e que não fiquem a mercê da própria sorte, como acontece na realidade atual.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •