Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O cacique Raoni, uma das maiores lideranças indígenas do país, foi diagnosticado com Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Ele foi internado com sintomas de pneumonia, segundo informou o Instituto Raoni.

“Seu estado é bom, sem febre, respirando normalmente e sem ajuda de oxigênio. A equipe médica do Hospital Dois Pinheiros confirmou que o cacique teve Covid-19 e que exames mostram presença de anticorpos”, detalhou o instituto por meio de nota.

Raoni teve alta hospitalar há pouco mais de um mês, no dia 25 de julho, após ficar nove dias internado. Ele perdeu a mulher, Bekwyjkà Metuktire, e apresentava um quadro depressivo.

“A pedido da família, somente fomos autorizados a divulgar estas informações depois de termos comprovação de que o cacique Raoni se encontra fora de perigo. Caso seu quadro permaneça estável, terá alta em breve”, afirmou o instituto. (Metrópoles)

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •