Foto: Gary Cassel/Pixabay
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma revisão de 38 estudos sobre o desenvolvimento de tecido de glândulas mamárias feita pela Universidade de Copenhagen, na Dinamarca, descobriu que a idade média que as meninas entram na puberdade diminuiu um ano desde 1977. A fase agora começa aos 10 anos de idade, mais ou menos.

Segundo os pesquisadores, a epidemia de obesidade pode ser relacionada à antecipação da puberdade. Um estudo de 2017 feito nos Estados Unidos descobriu que garotas obesas têm duas vezes mais chances de começar essa fase mais cedo do que as de peso dentro do padrão. A obesidade causa resistência à insulina, que aumenta os níveis de estrogênio – um hormônio sexual que tem papel fundamental na puberdade.

A outra teoria é que elementos químicos na atmosfera e no solo, como os inseticidas DDT e DDE, causem distúrbios no sistema endócrino.

“Mudanças na idade média da puberdade servem como um indicador sensível das influências do ambiente na saúde humana. Esses inseticidas foram banidos, mas o uso no passado segue poluindo os solos e já foram associados com a antecipação da puberdade”, escrevem os pesquisadores no estudo. (Com informações do Daily Mail)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •