Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Dentro de 15 dias, os seis maiores supermercados de Manaus terão que se adequar ao termo de cooperação que criou a campanha “De Olho no Preço” assinado, na manhã desta quinta-feira (13), na Câmara Municipal de Manaus, entre os representantes dos estabelecimentos a Ouvidoria Geral do Município, por meio do Procon Manaus, e diversos órgãos ligados ao Direito do Consumidor.

A cooperação vem para resolver o constrangimento gerado ao consumidor quando ele tenta comprar um produto que tem um preço mais barato na prateleira e outro reajustado, na hora de passar no caixa. A partir do dia 28 de fevereiro, o cliente que se encontrar nesta situação, não precisará mais decidir entre devolver o produto ou pagar o preço mais caro. O supermercado será obrigado a cobrar o preço mais baixo. “Em caso de aquisição de mais de uma unidade do produto, o primeiro será de graça e os demais sairão pelo menor preço verificado", explica o ouvidor geral do Município, Alessandro Cohen.

Para que o consumidor esteja atento a este novo direito conquistado, a campanha “De Olho no Preço”, que já existe em outros Estados, deve ser amplamente divulgada dentro de 15 dias nos supermercados. Representantes das redes de supermercado Makro, Atack, Nova Era, Veneza, DB e Carrefour, que assinaram o termo, concordaram em realizar a divulgação da campanha em todos os seus estabelecimentos na capital.

A campanha alcançará somente os gêneros alimentícios, produtos de limpeza, higiene pessoal e bebidas em geral, tendo vigência de 1 ano.

O presidente Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Municipal de Manaus – COMDEC/CMM, vereador Álvaro Campelo, comemorou o acordo assinado. "Representantes de grandes supermercados estão hoje assinando o termo, para apoiar essa iniciativa e por saberem que é importante para o consumidor. Agindo desta forma, eles (supermercados) sabem que fidelizam seus clientes e todos saem ganhando".

Para o ouvidor geral, a parceria irá fortalecer o trabalho do Procon.

"Caberá ao Procon Manaus receber as denúncias e fazer as fiscalizações, seremos sempre um apoio à Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Municipal de Manaus, agradecemos a casa por sempre solicitar o nosso apoio em campanhas em prol do consumidor", destacou Cohen, lembrando que o número para denúncias é o 0800-092-0111.

Também assinaram o termo o Procon Amazonas, Defensoria Pública do Estado, Delegacia do Consumidor – DECON e Ministério Público do Estado (MP-AM).


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •