Presídio Feminino em São Paulo. Foto Marlene Bergamo.
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Dados do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) revelam que o número de casos de Covid-19 registrados em presídios no Brasil aumentou 134% entre 28 de junho e 27 de julho. O número de mortes cresceu 22% no período, saindo de 59 para 72.

O número de casos confirmados, portanto, está acima da média nacional. Os diagnósticos na população em geral aumentaram 82% no mesmo período.

De acordo com reportagem do jornal O Globo, parte do crescimento se justifica pelo aumento de testagem nos presídios, que subiu 136% no período. O total de testes aplicados, no entanto, engloba apenas 4% da população carcerária do país, estimada em 748.009 pelo Depen.

Ainda de acordo com o Depen, São Paulo é o estado com a maior quantidade de casos confirmados da doença nos presídios: 2.512. São Paulo, no entanto, também é o estado com a maior população carcerária do Brasil. (Revista Fórum)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •