Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Everton já estava perto do Benfica, mas Jorge Jesus foi a cereja no bolo para que o atacante brasileiro batesse o martelo. Em entrevista ao jornal Record, Cebolinha falou da importância do técnico português em sua ida ao atual clube. Os dois conversaram por telefone antes do acerto e o projeto de Jesus comprou a vontade, que já era grande, de reforçar os Encarnados.

“Tinha outras opções, como foi noticiado, mas a grandeza do clube influenciou muito. Isso, juntamente com o mister Jorge Jesus, que é um grande treinador. Tinha vontade de trabalhar com ele… Logo após o telefonema de Jorge Jesus, a minha vontade de vir duplicou. Já tinha vontade de representar esse clube e essa camisa e depois fiquei com a certeza. Ele teve muita responsabilidade na minha vinda para o Benfica”, disse Everton.

“É um treinador que eu apenas conhecia de jogar contra ele quando esteve no Brasil. Ele me apresentou o projeto que tinham, disse que o grande objetivo era o de fazer uma grande temporada. E isso foi importante, pois chamou a minha atenção. Mostrou a ambição que ele tem como treinador, e é um treinador sempre vitorioso. Por onde passou ganhou títulos. Vi isso no Brasil e queria experimentar estar ao lado dele. O Benfica é um grande clube, ele aqui fez uma grande história e tinha de estar ao lado dele”, completou Cebolinha.

(Gazeta Esportiva)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •