Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Manaus da Copa, que encheu de orgulho o prefeito Arthur Nerto (PSDB), não suportou 30 minutos de chuva forte que caiu na tarde desta quinta-feira na capital amazonense. O centro da cidade com os sistema de esgoto completamente entupido acabou alagando as ruas e avenida, principalmente a Matriz e Floriano Peixoto, onde o trânsito ficou o caos. Carros, motos e ônibus tentando trafegar em meio as águas que tomaram conta de toda área central.

"Ainda bem que os turistas já foram se não iam ter de alugar botes para andar nas ruas do centro", disse um comerciante da Floriano Peixoto, que temendo represália pediu a preservação da fonte. De acordo com ele há tempos eles informaram as secretarias de Limpeza Pública e a do Centro, que mesmo que seja apenas meia hora de chuva forte a área central de Manaus fica intrafegável. "Há tempos temos avisado, mas nada foi feito", acrescentou.

A reportagem do Fato Amazônico foi ao centro na hora da chuva e pode constatar através das imagens (fotos e vídeo) como a Praça da Matriz e a Floriano Peixoto, ficaram tomadas pelas águas da chuva que sem escoamento alagaram as vias e o trânsito ficou um caos.


Defesa Civil

A Defesa Civil de Manaus registrou, na tarde desta quinta-feira, 26, o total de 13 ocorrências por meio do número de emergência 199. Entre elas, oito alagamentos nos bairros da Compensa, Parque São Pedro, Santo Antônio, Raiz, São Geraldo, Centro e Comunidade Jesus Me Deu. Técnicos do órgão estão nas ruas atendendo os chamados para verificar os danos.

Logo após a chuva, moradores dos bairros Japiim e Parque São Pedro solicitaram vistoria da Defesa Civil para verificar dois riscos de desabamentos de casas. A solicitação aos técnicos também foi feita por moradores do Santa Inês e Raiz para análise de deslizamentos de barrancos nas duas localidades.

Ainda durante a tarde, a equipe de engenharia da Defesa Civil também foi acionada por moradores do Tarumã para a análise da estrutura da ponte do bairro por conta da chuva. O pluviômetro instalado na zona Oeste da capital registrou 47,8mm de chuva.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •