Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Josué Neto, afirmou nesta segunda-feira (18), que quando as ações da Defensoria Pública do Estado (DPE) são ampliadas crescem também a defesa dos direitos da população mais carente no Amazonas. Para ele, a Defensoria foi o órgão que mais cresceu nos últimos anos. A declaração foi dada durante a posse de 10 novos defensores públicos na Sede do Governo, localizada na avenida Brasil, no bairro Compensa, Zona Oeste.

“A Defensoria Pública cresceu não só na participação do bolo orçamentário do Estado, mas também em garantias para a população mais carente do Amazonas. Um dado positivo é que em 10 meses e 18 dias de Governo do Estado deu posse a 19 novos defensores públicos, proporcionalmente, essa foi a gestão que mais empossou servidores e valorizou a defensoria”, afirmou Josué Neto, que ressaltou que os novos defensores terão grande desafio com o povo ribeirinho e indígena do Amazonas.

Os empossados para o cargo de Defensor Público foram Gabriel Herzog Kehde, Carine Teresa Lopes de Souza Possidônio, Thaís Maria Marra Correa, Lucas Fernandes Matos, Elânia Cristina Fonseca do Nascimento, Luiz Gustavo do Nascimento Cardoso, Enale de Castro Coutinho, Jessica Cristina Melo de Matos, Rodrigo Santos Valle e Marilia Oliveira Martins. Eles passaram por meio de concurso público, que teve um total de 58 classificados e 27 defensores já foram nomeados.

Conquistas

Josué Neto lembrou que essa é mais uma das conquistas que comemora junto à Defensoria. Em 2015, a Defensoria ganhou autonomia através de projeto aprovado no Parlamento sob a articulação do deputado e passou a ter o seu orçamento próprio desde 2016, o que deu à ela a oportunidade de ampliar sua atuação na capital e no interior do Amazonas.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •