Deputada Dra. Mayara Pinheiro Reis (PP), presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Assembleia Legislativa do Amazonas
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputada Dra. Mayara Pinheiro Reis (PP), afirmou hoje (17) que vai verificar a situação de cada empresa terceirizada, responsável pelos técnicos em enfermagem, para entender o real motivo dos atrasos nos pagamentos aos profissionais da área.

“O Governo paga as terceirizadas e estas não fazem o repasse. Por isso, amanhã, no seio da Comissão de Saúde, vamos reunir com os sindicatos, para buscar as soluções necessárias e cobrar quem realmente pode resolver o problema. Precisamos tratar este assunto com respeito e responsabilidade”, explicou Mayara Pinheiro.

De acordo com a parlamentar, desde o início dos trabalhos da comissão foi constatada a importância de um processo seletivo para a saúde, no intuito de buscar uma solução definitiva ao problema.

“Esta casa e os Ministérios Públicos do Estado e do Trabalho estão trabalhando junto a Secretaria Estadual de Saúde (Susam), para colocar em prática este processo seletivo, protegendo os servidores da saúde e beneficiando toda a população amazonense”, reiterou a deputada.

Ainda nesta terça-feira, Dra. Mayara informou que já foi cobrado um relatório da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz) sobre o desembolso do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI). “Fui cumprir meu papel como parlamentar. Nunca na história do estado, um governo se esforçou para enviar recursos do FTI exclusivos ao interior. Fiquei feliz em saber que já foram enviados R$57,5 milhões aos 61 municípios. Vamos seguir trabalhando porque lutar pela saúde faz parte do meu mandato”, reforçou Mayara.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •