Interceda por esta comunidade, para que o Senhor lhe dê sabedoria em como agir
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Portas Abertas | Um conflito entre a polícia local e uma comunidade cristã em Bangladesh resultou em tiroteio por parte de oficiais da polícia. Cinco cristãos foram alvejados e mais de 20 pessoas ficaram feridas. Era fim de noite quando quatro policiais à paisana invadiram a casa da cristã Mina Doresh, que vive em Doripara, na cidade de Gazipur, em Daca, capital de Bangladesh. Os homens encontraram o equivalente a 58 dólares em moeda local debaixo da cama e simplesmente pegaram de forma forçada.

Os membros da família dela se reuniram para questionar os homens, pedindo por identificações que provassem que eram realmente policiais. Mas eles alegaram não terem levado as identificações. Os policiais continuaram passando de casa em casa, tentando encontrar alguma coisa ilegal ou suspeita para justificar as invasões, mas não encontraram nada. Alguns moradores até gritaram: “Daicot, Daicot”, que significa “ladrões armados”.

Mais tarde, moradores se reuniram com chefes da vila e ligaram para a delegacia, para confirmar a identidade dos quatro homens. Enquanto isso, ao menos trinta policiais cercaram a área em que os moradores estavam reunidos. Inesperadamente, a polícia abriu fogo contra eles. Houve um caos, com pessoas correndo para todos os lados. Cinco moradores foram baleados e muitos ficaram feridos. Esses foram levados ao hospital para tratamento.

Os moradores agora estão com medo de serem presos pelas autoridades caso tentem revidar. “Para ganhar dinheiro extra, a polícia frequentemente invade a vila cristã, ameaça moradores e toma o dinheiro”, disse um jovem cristão. O secretário da igreja de Doripara, Milon Costa, disse: “Há certas práticas da religião que são vistas como fraqueza. Então, policiais desonestos fazem disso uma desculpa para invadir vilas cristãs repetidamente, para conseguir um dinheiro extra. Apesar de saberem que isso é ilegal”.

Ele também acrescentou que “alguns dias atrás, próximo à vila de cristãos nas áreas de Tumlia, Nagori e Mothbari, houve um incidente em que a polícia ameaçou muitos cristãos que estavam passando, simplesmente para extorquir dinheiro. Se alguém faz algo de errado, medidas legais devem ser tomadas. Sendo assim, por que eles não vêm durante o dia e vestem uniformes da polícia durante a invasão? Eles devem ter outros motivos, como ganhar dinheiro ilegal. Se não, porque pegariam o dinheiro de Mina Doresh?”.

Pedidos de oração

  • Ore pela saúde de todas as vítimas do tiroteio.
  • Interceda para que os moradores permaneçam unidos e fiéis a Deus, apesar de tal perseguição.
  • Peça a Deus para ajudá-los a lutar, legalmente, contra as ações desonestas da polícia.

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •