Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Folha de S.Paulo – A Associação Chinesa de Futebol anunciou nesta quinta-feira (30) que todas as partidas a serem disputadas no país estão suspensas por tempo indeterminado.

A decisão foi tomada em razão da epidemia de coronavírus no país. Até a última terça (28), ela havia matado 162 pessoas e contaminado 7.000.

A medida pode influenciar o início do campeonato da primeira divisão, marcado para 22 de fevereiro. São 24 os jogadores brasileiros que atuam na elite chinesa.

A epidemia fez com que o Pré-Olímpico de futebol feminino fosse transferido para a Austrália. Ao chegar em Brisbane para a competição, a seleção chinesa foi colocada em quarentena. “Todas as atletas e o estafe estão com boa saúde”, informa texto divulgado pela Associação.

A Fed Cup de tênis foi levada para o Cazaquistão pela Federação Internacional devido às restrições para viajar à China. As provas da Copa do Mundo de esqui alpino não vão mais acontecer.

Outras competições já foram canceladas, atrasadas ou realocadas. Entre elas, os pré-olímpicos de boxe e de basquete feminino saíram do país para a Jordânia e para a Sérvia, respectivamente. A volta de ciclismo de Hainan, parte do circuito da segunda divisão mundial, não será mais realizada.

Já o Mundial de Atletismo indoor foi adiado para 2021, e o Pré-Olímpico de lutas, que também está programado para a China em março, foi posto em estado de atenção.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •