Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), decidiu que não vai colocar em votação o projeto de lei que cria o Tribunal Regional Federal da 6ª Região, com sede em Minas Gerais. A matéria foi aprovada pela Câmara na semana passada depois de um ano de discussões.

De acordo com o que disse um aliado próximo do presidente do Senado ao Congresso em Foco, não há a intenção de colocar o texto em votação por enquanto. Os líderes partidários do Senado devem ter reunião nesta terça-feira (1º) para definir a pauta da semana e a criação do TRF-6 não estará incluída.

Segundo estudo (íntegra) de 2013 do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea), o TRF-6 custaria R$ 270 milhões por ano. Por sua vez, os favoráveis à matéria afirmam que a criação do Tribunal da 6ª Região irá desobstruir a Justiça devido à sobrecarga do TRF-1, que abrange os estados de Minas Gerais, Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima e Tocantins.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •