Elize Matsunaga
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Elize Matsunaga, Suzane von Richthofen e Anna Jatobá deixaram a prisão temporariamente nesta quinta-feira (10/10/2019), para passar o Dia das Crianças em casa. Foi a primeira vez que Elize Matsununga, condenada em 2012 por matar o marido, saiu do presidio de Tremembé, em São Paulo.

Condenada pela Justiça a 19 anos e 11 meses, Elize passou a ter direito a deixar a prisão, nas chamadas “saidinhas” temporárias, após migrar para o regime semiaberto, em datas comemorativas com a autorização da Vara de Execuções Criminais (VEC). Segundo o site G1, ela deixou a cadeia por volta das 8h15 segurando uma sacola.

Ela não poderá encontrar a filha que teve com Marcos Matsunaga, pois está impedida de vê-la desde o ano do crime. A guarda da menina de 8 anos está com os avós paternos. A detenta visitará a família em um município que tem menos de 20 mil habitantes, Chopinho, no Paraná. No dia 16 de outubro ela deverá retornar a Tremembé.

Richthofen, condenada por executar os pais, e Anna Carolina Jatobá, madrasta de Isabela Nardoni, também estão em regime semiaberto na mesma unidade que Elize. Ambas deixaram a penitenciária no mesmo horário, pouco depois das 8h, para o mesmo período da “saidinha”.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •