Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ex-prefeito de Manacapuru, Angelus Figueira (PSC) é pré-candidato à prefeitura de Manacapuru, que ele já comandou por três mandatos, e, se eleito, assumirá o compromisso de retirar o município da lista das dez piores cidades brasileiras em transparência para colocá-la entre as dez com melhor desempenho.

A informação foi confirmada pelo ex-prefeito, na terça-feira (11/8), durante entrevista ao programa Noticiando, da Rádio Palmeira.

Numa demonstração da importância que dará a transparência e o controle social, numa possível gestão na prefeitura de Manacapuru, Angelus Figueira, entregou aos radialistas Hashidy Moreira e Paulo Vitor Morais, relatórios do Portal da Transparência do governo federal, sobre o volume de recursos recebidos pela atual administração, oferecendo à população do município, as informações necessárias para acompanhar e avaliar a aplicação dos recursos.

O ex-prefeito lamentou que hoje o cidadão de Manacapuru não possa exercer o controle social e de atuar junto a gestão municipal, pela falta de transparência, sendo assim impedido de contribuir efetivamente para o desenvolvimento do município e o fortalecimento do sistema democrático.

Angelus lembrou que a transparência na gestão pública é garantida à nossa nação pelos artigos 5º e 37º da Constituição Federal de 1988, que foi um marco da redemocratização do país.

De acordo com os dados do Portal da Transparência do governo federal divulgado por Angelus Figueira, a Prefeitura de Manacapuru recebeu mais de R$ 41 milhões do Fundo Nacional de Saúde, sendo R$ 21 destinados ao combate do Covid-19, superando os municípios de Itacoatiara com R$ 9 milhões e Parintins com R$ 17 milhões.

Ainda sobre os dados que constam no relatório, a Prefeitura de Manacapuru recebeu até julho deste ano, o montante total de R$ 33, 4 milhões do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) e mais de R$ 20 milhões para a infraestrutura de asfaltamento da cidade, vindos do governo do Estado do Amazonas.

“Estes são os recursos destinados ao município, mas a população não está tendo acesso por conta da irresponsabilidade do atual gestor. Não é possível que numa pandemia, como estamos vivenciando, as informações sejam negadas ao povo. Isso é molecagem”, disse.

Perguntado se será candidato, Figueira disse que sim, é pré-candidato à prefeitura, mas ponderou que o futuro está nas mãos de Deus. “Estou ouvindo o povo, os segmentos, as donas de casa, os agricultores, os mototáxi. Se tivermos que ser candidato queremos contribuir com respeito e transparência. Não concordo com boçalidade de achar que só eu sei, só eu quero, sempre converso com povo”, afirmou.

Angelus disse ainda que, se confirmada a sua candidatura, vai elaborar o plano de governo de forma participativa, com a colaboração de todos os setores. “Vamos planejar juntos um novo momento desenvolvimento econômico e social para os manacapuruenses. Faremos grande revolução no setor do agronegócio, impulsionando o polo de madeira e movelaria, apoiando o comércio, as indústrias e os novos empreendedores. Se o povo da nossa querida Manacapuru quiser, nós vamos cuidar de todos”, disse.

No encerramento da entrevista, o engenheiro Angelus Figueira agradeceu ao governador Wilson Lima pelo asfalto que ele comprou para recuperar a pavimentação asfáltica da zona urbana da cidade e pelo canteiro de obras em que se transformou a rodovia Manuel Urbano, com equipes trabalhando diuturnamente por mais de 40 quilômetros.

“Obrigada governador Wilson Lima, o povo de Manacapuru reconhece o seu trabalho, a despeito de alguns espertalhões que tentam se apropriar indevidamente dos investimentos do estado no município e leva ganhar o crédito pelo seu trabalho”, destacou Angelus.

O ex-prefeito também agradeceu aos radialistas e a direção da Rádio Palmeiro e, em especial aos ouvintes da emissora que durante toda em entrevista enviaram centenas de mensagens de apoio a pré-candidatura dele à prefeitura do município e lembrando de realizações de suas gestões à frente da prefeitura.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •