Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O apresentador Sikêra Jr, que criticou o isolamento social e foi infectado pela Covid-19, fez uma transmissão em suas redes sociais para defender o uso da cloroquina – endossando o discurso do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), e atacar a esquerda.

Sikêra apareceu rodeado de pessoas, em sua casa, e com um tubo de oxigênio. “Eles [esquerda] querem liberar tudo o que não presta, remédio não, se arrumar cura, o povo da esquerda fica contra, mas não escuta não, você não é psiquiatra. São todos doentes”, disse o apresentador do Alerta Nacional, da RedeTV!.

Apesar de Jair Bolsonaro e o próprio apresentador terem debochado do novo coronavírus, afirmando que era apenas uma “gripezinha” e defendido o fim do isolamento, no vídeo, Sikêra diz que é a esquerda “comemora” as mortes.

“Notícias boas, as lojas vão começar a abrir, os empregos vão começar a ser gerados, as pessoas vão voltar a ter saúde”, ressaltou.

Sikêra disse que a sociedade vai acordar diante do novo momento.

“Nós vamos acordar, por que no dia que o povo acordar, político não dorme mais nesse país. Usar estado de calamidade pública para tirar dinheiro do povo é ser covarde”, declarou.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •