Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O deputado federal Silas Câmara (Republicanos/AM), esteve na manhã desta quarta-feira (15) reunido com o presidente Jair Bolsonaro, de quem teve a promessa de que fará um novo decreto para os impostos sobre os Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) do setor de concentrado da Zona Franca de Manaus.

De acordo com o coordenador da Frente Parlamentar Evangélica, o encontro ocorreu no Palácio do Planalto, em Brasília, onde o presidente garantiu que fará de tudo para que o modelo seja mantido. Bolsonaro também disse que a redução do IPI para as fábricas de concentrados chegará a um entendimento comum entre governo e fabricantes.

“A Zona Franca de Manaus é um projeto de Castelo Branco e nós devemos preservar, sim. E fazer todo possível para que a Zona Franca continue produzindo a nossa soberania, da região amazônica”, disse o presidente em vídeo postado no Facebook de Silas, afirmando que houve um “lapso” no benefício concedido ao polo e que o mesmo será retomado.

Veja +: Medidas à evangélicos, mostram Bolsonaro cada vez mais perto de Silas Câmara, pré-candidato à Prefeitura de Manaus

Depois da palavra do presidente, ainda no vídeo, o coordenador da Frente Parlamentar Evangélica, agradeceu a Bolsonaro pelo comprometimento com a Amazônia, o Amazonas e o Brasil.

Na semana passada o presidente Jair Bolsonaro decidiu não prorrogar o incentivo dos créditos tributários concedidos à indústria de refrigerantes na ZFM. Segundo o jornal Valor Econômico, o valor será reduzido para 4%.

Promessa de Guedes

Na última segunda (13), o Senador Omar Aziz (PSD/AM), Coordenador da Bancada Federal do Amazonas no Congresso, divulgou vídeo, onde disse que, em conversa com o Ministro da Economia, Paulo Guedes, o mesmo prometeu num prazo de 72 horas resolver definitivamente a questão envolvendo o decreto do governo federal que reduz de 10% para 4% da alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) do setor de concentrado da Zona Franca de Manaus.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •