Foto: Elisa Garcia Maia
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A segunda edição do curso Noções Gerais de Programação Neurolinguística (PNL), ministrado pela facilitadora Daniela Cardoso, encerrou na última sexta-feira (21). A aula que concluiu as atividades iniciadas no dia 19, aconteceu na sala 3 da Escola do Legislativo Senador José Lindoso da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), no período das 14h às 17h. A primeira versão do curso ocorreu em dezembro do ano passado.

A professora Daniela Cardoso avaliou como positivo o aproveitamento da turma nos três dias de curso. “O que nos deixa mais felizes, ao estarmos numa classe ministrando aula, é quando nós encontramos pessoas que querem realmente evoluir, querem aprender, e são dedicadas a isso. E cada aluno nesta turma está envolvido, se dedicou, prestou atenção, questionou, para que esse processo de evolução aconteça”, disse a instrutora.

Daniela explicou que a Programação Neurolinguística, ou PNL, é a arte da excelência humana. “É uma ciência que nos diz que o nosso cérebro é programável. Nós podemos programar a nossa mente para alcançarmos qualquer resultado que nós quisermos, afinal, se é a arte da excelência humana, eu posso aprender a ser excelente em qualquer área da minha vida”, afirmou Cardoso.

Ela informou ainda que o foco de abordagem do curso foi a área profissional. “Nós falamos sobre Programação Neurolinguística, noções gerais e como aplicá-las ao ambiente de trabalho”, destacou a facilitadora. Daniela ressaltou, entretanto, que o fundamento do assunto estudado traz benefícios para qualquer área da vida. “Até mesmo em casa, em família”, observou a professora.

A assessora da deputada Joana Darc (PL), Beatriz Paiva Moreira Lopes, classificou o curso como bem proveitoso, e comentou que já está começando a praticar os ensinamentos recebidos em sala de aula. “Eu já coloquei várias coisas em prática e estou me sentindo uma pessoa mais forte, mais determinada, tudo graças aos aprendizados daqui”, revelou a aluna.

Na opinião da servidora pública Silvânia Souza de Araújo, tudo que foi ensinado pela professora Daniela Cardoso é como se fosse um ponto de partida para a pessoa ter uma qualidade de vida melhor. “Todos os treinamentos em relação ao comportamento, como se deve falar com as pessoas, respeitar o espaço do outro, tudo isso são coisas muito importantes na vida da gente, não só para o cotidiano, mas também para a vida profissional e pessoal do indivíduo. Então foi muito positivo”, declarou Silvânia, que trabalha na Policlínica Dr. José Lins, no bairro da Redenção, Zona Centro-Oeste de Manaus.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •