Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O vereador Sassá da Construção Civil (PT) externou sua indignação quanto ao vídeo divulgado no último dia 16, nas redes sociais do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), sobre o reasfaltamento da BR-319 (Manaus-Porto Velho/RO). Segundo o parlamentar, o andamento da obra por enquanto é apenas discurso e propaganda do Governo Federal.

“É uma vergonha veicular uma propaganda enganosa, dizendo que a obra está em andamento. Estão querendo enganar a população amazonense? Realmente a BR-319 necessita ser feita e divulgado de forma transparente à sociedade. O governo tem que trabalhar de verdade pro povo brasileiro e não omitir informações nas redes sociais”, destacou Sassá durante o pronunciamento realizado na segunda-feira (19/8), na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

As imagens, que acontecem entre os quilômetros 13 e 198, da propaganda oficial divulgada pelo DNIT, não são de agora, mas de 2017, quando o presidente da República era Michel Temer (MDB). Com 885 quilômetros, sendo 820,1 no Amazonas e 64,9 em Rondônia, a BR -319 conhecida como Rodovia Álvaro Maia, nunca foi totalmente asfaltada.

“Não tem licitação, valores deliberados, estudos de impacto ambiental nos trechos a serem construídos e programas específicos. Não existe nada de concreto, apenas discurso e propaganda do governo. A construção da BR pode gerar empregos ao seguimento e trazer desenvolvimento à região “, argumentou Sassá.

Ainda durante o discurso, o vereador criticou a falta de manutenção no gramado da Arena da Amazônia, que foi palco neste domingo (18) da final entre Manaus Futebol Clube e Brusque, pela série D do Campeonato Brasileiro de Futebol.

“A falta de manutenção é um problema agravante do estádio. O gramado no campo está cheio de buraco, queimado e totalmente inapropriado pra realizar os eventos esportivos. O Estado tem que proibir shows musicais na parte interna ou pelo menos garantir a conservação do local”, concluiu.

Após publicarmos a matéria no twitter, o DNIT comentou:


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •