Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ex-governador de Tocantins Marcelo Miranda foi preso na manhã desta quinta-feira 26 pela Polícia Federal. De acordo com o canal Globo News, ele é alvo de uma operação para desarticular uma organização criminosa suspeita de corrupção, peculato, fraudes em licitações, desvio de verba pública, falsificação de documentos e lavagem de dinheiro.

Miranda foi detido em Brasília, no apartamento funcional da mulher, a deputada Dulce Miranda — que não é investigada. A PF cumpre 11 mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva. A defesa do ex-governador afirmou não haver fatos que justifiquem o pedido de prisão. (veja.com)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •